literatura infatil e juvenil de santa catarina

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
magna.art.br

A de Antônia
VOLTAR
RESENHA

Por Simoni Conceição Rodrigues Claudino
Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Educação – UFSC
Professora de Educação Infantil da Prefeitura de Municipal de Florianópolis
2016

O livro A de Antônia, escrito por Demétrio Panarotto, tem desenhos/escritas de criança, utilizados no projeto gráfico de Gabi Bresola. Na capa inicial há o desenho de uma menina, colorida com as cores rosa e azul. Em cada livro há cores diferentes na capa, pois Antônia, ajuda a pintar as capas sempre que está disposta. A capa final, em branco, é vazia de informações. O livro vem embrulhado numa charmosa folha dobrada, cheia de corações que foram desenhados pela própria Antônia, personagem principal desta narrativa, e que ajudam a ilustrar este livro datado de 2016, e impresso em Florianópolis, na Miríade edições. Todo o conteúdo do livro vem impresso em folhas azuis. Faltou ao livro a biografia de seus autores, e a ficha catalográfica. Há na página final, uma caixa destacada onde Demétrio se apresenta como autor e pai da Antônia e do Lorenzo, e traz alguns dados da obra.

No decorrer da narrativa, vemos as descobertas de uma menina com a escrita de seu nome, e com a afirmação acerca da importância da sua letra inicial, no caso, “A de Antônia”, destacado em todos os suportes de leitura encontrados. Percebe-se no decorrer da escrita o encantamento de um pai com o desenvolvimento e as associações da escrita feitas por sua filha. Conversa simples, cheia de significações, de aprendizagem e de afeto, num processo vivenciado por todos os que convivem com crianças em sociedades letradas como a nossa. A leitura remete o leitor a lembranças de seus filhos, colegas, primos, irmãos que ao passar pelo processo de escolarização também saíam, vez e outra, com cada associação e descoberta.

PANAROTTO, Demétrio. A de Antônia. Florianópolis: Miríade, 2016. 


AUTORES

Imagens