literatura infatil e juvenil de santa catarina

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
magna.art.br

Marie Hélène Catherine Torres
VOLTAR

Por Dirce Waltrick do Amarante
Professora CCE/PGET/UFSC
2013


Marie Hélène Catherine Torres nasceu em 1963 na França, tendo vindo para o Brasil na década de 1980. É professora de Literatura Francesa e de Tradução na Universidade Federal de Santa Catarina e tem publicado artigos sobre tradução literária em revistas na França, no Canadá, na Bélgica e no Brasil.

Como tradutora e crítica de tradução publicou, entre outros: Variations sur l´étranger dans les lettres: cent ans de traductions françaises des lettres brésiliennes (pela Artois Presses Université na França em 2004), Literatura Traduzida/Literatura Nacional (em coautoria, pela 7Letras no Rio de Janeiro em 2008), o Dicionário de Tradutores Literários do Brasil (em coautoria online), Literatura e tradução: textos selecionados de José Lambert (em coautoria, pela 7Letras em 2011), Traduzir o Brasil Literário: paratexto e discurso de acompanhamento (pela Copiart em 2011) e Tradução dos Clássicos, também pela Copiart, em 2012. Revisou o Dicionário Escolar WMF, publicado pela Martins Fontes, em 2012

Traduziu Poemas de Reverdy pela Hyphos em 1993; De Senectute Erotica (Poemas) pela Massao Ohno (SP) em 1998; Cruz e Sousa, le poète banni pela 7Letras em 2000; Poesia da infância de Victor Hugo pela Editora da UFSC em 2002; a Antologia Bilingue Francês Português Clássicos da Teoria da Tradução em coautoria pela UFSC em 2004; Sacralização do alfabeto de Leonor Scliar pela Scortecci Editora em 2009 e A tradução e a letra ou o albergue do longinquo de Antoine Berman em 2007 e 2012 (2a edição revisada). 


BIBLIOGRAFIA